Pudim & Mousse de After-Eight Vegan

Por Sara

Antes de adoptar uma alimentação mais saudável, a minha especialidade era mousse de after-eight. Era, essencialmente, uma mousse de chocolate normal mas que além disso levava uma caixa inteira de chocolates after-eight! (como imaginam, já fui mais gorda)

 

 

Há qualquer coisa na combinação chocolate-menta que me deixa as pernas a tremer e o coração a bater mais forte! Escusado será dizer que eu não ia deixar o facto de não comer ovos, leite, manteiga, açúcar refinado e outros ingredientes processados afins estragar a minha reputação enquanto especialista da mousse de after-eight!!

 

 

Além disso, esta receita tem dupla finalidade porque funciona como mousse ou como pudim – um dos ingredientes que leva é agar-agar, um tipo de alga que funciona como uma gelatina vegetal, sem sabor. Faz uns pudins de fazer inveja à “Boca Doce”‘!

 

 

Pudim & Mousse de After-Eight

 

vegan, sem glúten e sem açúcar refinado

 

 

P_20180214_202022.jpg

 

 

Ingredientes:

 

– 1 Litro de bebida vegetal (usei de arroz)

 

– 2 colheres de sopa de agar-agar em pó

 

– 2 colheres de sopa de amido de milho biológico (os derivados de milho convém serem sempre bio)

 

– 1 colher de sopa de cacau em pó

 

– 80 gr de chocolate negro (adoro o da marca Vivani 75% porque, além de ser vegan, é adoçado com açúcar de côco)

 

– 2 a 3 conchas de sopa de geleia de arroz (dependendo da gulodice)

 

– uma pitada de sal marinho

 

– 5 a 10 gotas de óleo essencial de hortelã-pimenta de qualidade alimentar (uso o da Biover que é 100% puro e pode ser consumido – considerem um investimento, os óleos têm imensos usos, este uso também para fazer pasta de dentes!)

 

 

Dissolver o agar-agar e o amido de milho num pouco de leite vegetal, numa caçarola. Juntar a restante bebida, o cacau em pó, o sal e a geleia de arroz. Levar ao lume médio até levantar fervura, mexendo sempre. Adicionar o chocolate em barra partido em pedaços. Deixar engrossar ligeiramente (não se preocupem que engrossa muito quando arrefece). Desligar o lume e acrescentar o óleo essencial a gosto, tendo em conta que por ser tão concentrado é bastante forte e o sabor também se nota mais depois de frio. Colocar numa forma de pudim, neste caso usei forminhas individuais em silicone. Caso pretendam fazer a versão mousse, basta levar ao frigorífico numa travessa a arrefecer durante 1 a 2 horas e, quando solidificar, triturar bem com a varinha mágica até ficar cremoso. Caso não sejam fãs de menta (há gostos para tudo!!!) podem utilizar outro óleo essencial, como laranja por exemplo (outra das minhas combinações favoritas com chocolate), tendo sempre em atenção se o óleo escolhido é do tipo que pode ser ingerido.

 

 

P_20180214_201600.jpg

 

 

Modéstia à parte, esta versão não deixa nada a desejar à antiga e foi aprovada por toda a família, mesmo os mais gulosos que acham sempre que as receitas saudáveis não sabem a nada! Experimentem e digam-me o que acharam. Que outras combinações gostam de fazer com chocolate?

 

 

P_20180214_201024.jpg

 

4 comentários
  • Mel
    Responder

    Que vontade de comer esse coração todo 😮

  • Sara
    Responder

    Ainda bem que gostaste Mel! Hoje cobri o pudim com compota de morango caseira e pepitas de cacau e ficou mesmo

  • Mel
    Responder

    Ai minha nossa senhora das azeitonas #quero

  • Sara
    Responder

Deixa um Comentário

Start typing and press Enter to search